This is your life and it's ending one minute at a time. Ou então não e raiz'os parta a todos.

26
Nov 09

Aqui vai uma generalização descarada...

 

"Em Luanda, há muita gente com boa vontade, mas sem vontade nenhuma."

 

É dificil, muito dificil. A vida está dura, o dinheiro escasseia e o trabalho assusta. É assim o dia-a-dia de muitos angolanos. Os que querem, safam-se. Os outros, vão andando, como podem. E assim, as coisas que podiam ser boas, são assim-assim, mázinhas, feitas de esquemas, adiamentos, queixas e desculpas. "Se posso fazer isto em 6 horas, pq é que hei-de fazer em 10 minutos".

É isto que me passa pela cabeça de cada vez que entro nas instalações, que já deveriam estar terminadas faz 1 semana, e vejo os electricistas, pedreiros, canalizadores, etc, encostados a um canto, a descansar do trabalho árduo de montar uma tomada, rebocar um buraco na parede ou cortar um tubo.

 

Tá dificil. O tempo passa, a data da viagem de regresso aproxima-se, e as máquinas continuam por montar.

 

Esperemos mais um pouco. Mas à sombra, porque o calor aperta.

publicado por G. o gajo. às 19:25

mais sobre mim
comentários recentes
quando nos dá a saudade, é um problema: ficamos ma...
As coisas que tu descobres!... Trata-se portanto d...
NÃO NOS CONHECEMOS, CHEGUEI AQUI ATRAVES DO BLOG D...
Xiça...que miséria!!!!
E ainda dizem mal dos Alentejanos!!!!
SLB , SLB , SLB ...GLORIOSO SLB , GLORIOSO SLB ......
Agora estou : ZZZzzzzZZZZZzzzzZZZZzzzzzZZZZZzzz, c...
Vou entrar na tua " caixa vazia" e colocar lá os "...
Hum...ahhhhh, apanhaste-me. Mas ainda consegui dis...
Olha lá...tu ainda sabes o meu nome certo? É que n...